Books read

Leticia's books

To Kill a Mockingbird
The Catcher in the Rye
The Great Gatsby
Of Mice and Men
Animal Farm
One Hundred Years of Solitude
Lord of the Flies
Romeo and Juliet
Little Women
A Tale of Two Cities
Frankenstein
The Count of Monte Cristo
The Secret Life of Bees
The Memory Keeper's Daughter
The Joy Luck Club
The Da Vinci Code
The Kite Runner
The Shining
The Silence of the Lambs
The Bourne Identity


Leticia's favorite books »

quarta-feira, 30 de abril de 2014

QQQ Quartas, WWW Wednesdays

Should be Reading (fonte)

To play along, just answer the following three (3) questions…
• What are you currently reading?
• What did you recently finish reading?
• What do you think you’ll read next?

basicamente, seria um Q Quartas, três perguntas com Q:
o Que você acabou de terminar de ler?
o Que você está lendo atualmente?
o Que você acha que lerá em seguida?

e minhas respostas são:



Li... Terminei The strange case of Dr. Jekyll and Mr. Hyde, do Robert Louis Stevenson. É um clássico, óbvio, e todo mundo acha que sabe a história (bom, talvez você saiba, e não tenha a imagem que eu tinha em mente, que era essa:)



Enfim, fiz a review no goodreads, mas o que eu achei:
1. a linguagem é toda rebuscada, então me vi relendo a mesma página algumas vezes. Tudo bem que foi publicado em 1886, o que talvez tenha sido uma dificuldade extra, mas assim mesmo...
2. se você me pergunta nesse minuto qual foi a razão pela qual o Dr. Jekyll resolveu experimentar uma poção para se tornar outra pessoa, eu não sei dizer. Vai que eu não entendi, mas o que eu compreendi foi que era uma busca por uma libertação de instinto, sabe? meio, a coisa da repressão e de mostrar pro mundo só a parte sóbria de você, e se sentir livre (id, ego e superego, meus caros amigos da Psicologia, lembra? aliás por que nenhum professor usou essa analogia, rs? tão didática! embora, claro, só pela ideia, porque o distúrbio em si é o tal dissociative personality disorder, um pooouco além dessa fronteira :P) com a outra personalidade? mas eu sempre achei que havia sido uma busca pela ciência da transformação, ou algo muito traumático, então essa justificativa moral me foi meio anticlimática.
3. queria tanto um fim mais elaborado! termina com a carta do Dr. Jekyll, mas a gente nunca sabe o que realmente o Mr. Hyde estava pensando, se houve alguma elaboração psíquica nesse pensamento, se ele era realmente só regido pelo instinto... e fiquei com a sensação de que a possibilidade aberta da morte dele podia ter sido muito interessante.
Queria muito saber a opinião de outras pessoas que leram esse original na vida adulta, e é um livro que penso em reler no futuro, para ajustar essas percepções.

Li também um livrinho tonto sobre um casamento arranjado (as reviews estão aqui no Goodreads, então esse também) The Cowboy's e-mail order bride acho.
E li o livro da Liane Moriarty, The hypnotist's love story.
Gostei, achei a narrativa interessante. Há pessoas que acharam que não havia nada demais no livro, mas pra mim isso importa menos que a história ser bem contada. Ou seja, não precisa haver uma revelação estupenda, mas sim um pano de fundo bem descrito e amarrado para o que quer que esteja ou não acontecendo. E achei isso. Basicamente, a hipnoterapeuta começa a namorar uma pessoa que é perseguido pela ex. Viu, interessante, mas simples. Gosto :)

Estou lendo...Vi umas resenhas da Richelle Mead (uma moça da Academia de Vampiros meio teen meio adulta), o tal do Tabuleiro dos deuses, e parece interessante, então comecei a lê-lo hoje cedo e consumi alguns capítulos. Vamos ver.

Vou ler... Na verdade, comprei o livro da Isabel Allende, e estou 'economizando' porque não sei se quero lê-lo nas férias, que começam na outra semana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário