Books read

Leticia's books

To Kill a Mockingbird
The Catcher in the Rye
The Great Gatsby
Of Mice and Men
Animal Farm
One Hundred Years of Solitude
Lord of the Flies
Romeo and Juliet
Little Women
A Tale of Two Cities
Frankenstein
The Count of Monte Cristo
The Secret Life of Bees
The Memory Keeper's Daughter
The Joy Luck Club
The Da Vinci Code
The Kite Runner
The Shining
The Silence of the Lambs
The Bourne Identity


Leticia's favorite books »

quinta-feira, 17 de abril de 2014

tag literária - tríades

Essa é uma tag literária que achei bem legal num blog que pareceu bem fofo chamado Cafeína literária e tem de ser respondida com uma tríade de autores (gosto assim, quando não me cerceiam as escolhas, rs).

Quais autores/obras se envergonha de ainda não ter lido? OU ainda não leu direito?
Guerra e Paz, do Tolstoi,
Em busca do tempo perdido, do Proust,
A divina comédia, do Dante Alighieri (tenho uma edição linda, bilíngue, com os três volumes, que eu nunca li)
e Javier Marías, amei um livro que li dele, comprei outros e ficaram na pilha eterna de livros a serem lidos. (meudeus é ridículo, mesmo podendo responder com uma tríade dou um jeito de colocar quatro...)

Quais autores/obras “destoam” sua biblioteca de leituras?
É difícil hein. O que 'destoa' da minha biblioteca, que tem de tudo, de Sabrinas a poemas, passando por livros de psicologia e TEFL, literatura juvenil e chick lit? já sei: os não ficção. Conforme já mencionei algumas vezes, tenho o péssimo hábito de lê-los achando que preciso tomar notas, o que faz a leitura de não ficção muito mais árdua do que deveria. Consequentemente, só os que são 'contação de histórias', não ficção em forma de ficção, ficam na estante. Desses, mencionaria
Corações sujos, Fernando Morais
Buyology, Martin Lindstrom (Verdades e mentiras sobre porquê compramos)
Marketing to women, Martha Barletta (falei dele essa semana e no goodreads)


Quais autores/obras dá um trabalho hercúleo não gostar?
Segundo a blogueira, e eu achei essa definição ótima, "Estes são aqueles que sempre haverá alguém querendo discutir e te convencer que você tem de gostar ou por ser “clássico” ou por ser bestseller. E sempre vem a pergunta: “Como você pode não gostar?!”". Me julguem.
Tolkien, do Senhor dos anéis.
Caio Fernando Abreu. Juro que tentei. Já comprei livro, já perguntei pra quem gosta. Volta e meia encontro citações fofas, e aí quando folheio os livros dele, penso, 'onde elas estão escondidas???? quem faz a edição delas? do que se alimentam?'
John Green, o da A culpa é das estrelas, Quem é você, Alaska?, O teorema Katherine'. Fico com um pouco de vergonha alheia lá pelo meio, e ela não passa. Desculpa. E olha que leio tanto livro que causa vergonha alheia, que não devia me importar.



Um comentário:

  1. Também tenho vergonha de não ter lido Tolstoi. Copiei a TAG e vai ser a próxima que responderei no meu blog (acho que na próxima semana). Ótima!

    ResponderExcluir