Books read

Leticia's books

To Kill a Mockingbird
The Catcher in the Rye
The Great Gatsby
Of Mice and Men
Animal Farm
One Hundred Years of Solitude
Lord of the Flies
Romeo and Juliet
Little Women
A Tale of Two Cities
Frankenstein
The Count of Monte Cristo
The Secret Life of Bees
The Memory Keeper's Daughter
The Joy Luck Club
The Da Vinci Code
The Kite Runner
The Shining
The Silence of the Lambs
The Bourne Identity


Leticia's favorite books »

quarta-feira, 28 de maio de 2014

QQQ Quartas, www Wednesdays

Should be Reading (fonte)

To play along, just answer the following three (3) questions…
• What are you currently reading?
• What did you recently finish reading?
• What do you think you’ll read next?

basicamente, seria um Q Quartas, três perguntas com Q:
o Que você acabou de terminar de ler?
o Que você está lendo atualmente?
o Que você acha que lerá em seguida?

e minhas respostas são:

Li um título da Jodi Picoult chamado Where there's smoke..., que na verdade era quase um conto, tinha umas 50 páginas. Era sobre uma pessoa que 'via' coisas e um momento da vida dela. Se fosse desenvolvido, acho que poderia ser interessante. Gostei do pedacinho, mas era isso, um pedacinho.
Li um título chamado O encontro infeliz, de um francês chamado Philippe Grimbert (depois descobri que ele é o autor de Um segredo em família, o filme com a Julia Roberts). Comprei pela capa e sinopse, num impulso, na livraria (olha a edição bonitinha). Sobre dois amigos, Mando e Loup, crescendo juntos, e sobre como um deles acaba se revelando como alguém com problemas psíquicos. Vou ser honesta: achei bem paradinho, faltando substância, inclusive sobre o Loup, que parecia alguém em 2D.
Li Os limites da lei, do Scott Turow (romance de mistério/suspense, autor do Acima de qualquer suspeita). A história é interessante, sobre um desembargador que tem uma decisão difícil na corte em mãos (sobre um estupro e sua possível prescrição da lei) e na vida (um dilema moral pessoal, o câncer da esposa). Mas depois de ler algumas outras pessoas nesse gênero de mistério e suspense, (estou pensando na Karin Slaughter, pra citar uma americana e não ser parcial), achei só razoável. Terminei de ler e não pensei mais nele, ao contrário de quando estou lendo alguns dos outros autores do gênero de quem gosto e me vejo 'voltando' pro livro.
Li Eu, Anna, da Elsa Lewin (deu origem a um filme, também, que eu não vi). Uma mulher que acabou de se divorciar após um casamento de quase 30 anos começa a sair para 'festas de solteiros', conhece um cara, e surta. A tensão cresce devagar e aí você fica sem saber se entendeu quase, sabe? bastante bom. Gostei.
Li Let's pretend it never happened (o link está para o livro em português, Vamos fingir que isso nunca aconteceu), da Jenny Lawson. Algumas partes foram muito engraçadas, outras bem bobinhas, como é de se esperar num livro autobiográfico que tenta ser engraçado.
Li As poesias de Alvaro de Campos. Algumas muito lisboetas, muitas lindas e cheias de doçura. Fernando Pessoa é alguém que eu gostaria de estudar mais.
Li também Da próxima vez, do Marc Levy. A história é simpática, sobre um expert em um pintor que se apaixona (e é claro que tanto a noiva quanto o objeto de sua paixão tem relações de outras vidas com o pintor) e tudo que enfrenta ao descobrir as obras perdidas dele. Mas a primeira coisa que li dele era tão mais fofa e tinha a vantagem da surpresa, ao contrário desse.

O que eu estou lendo: finalmente, passei da metade do Police, do Jo Nesbo, estava com saudades do inspetor Harry Hole :) Falando sério, esse cara vale muito a pena. Acho que já contei em algum momento que o descobri por acaso, em livraria de aeroporto, acho que em Londres, mas já li muitos livros dele desde então e nunca me desapontaram.

O que vou ler em seguida: acho que vou passar pelo livro da Mimi Alford sobre o caso com o JFK e... Não sei, acho sempre difícil escolher.

3 comentários:

  1. Leu muitos livros. Primeira vez que vejo você comentar de poesia, adoro poesia, desde as apaixonadas até as mais clássicas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. quem são seus favoritos? tenho lido bastante graças às férias :)

      Excluir
    2. Olá Letícia! Sobre poesia: você pergunta o que te recomendo e como lhe responder se a lista que colocou em meu blog é tudo o que recomendaria? Para mim Cecília está em primeiro lugar. Neruda e Drummond depois e assim por diante. A única que foge da sua lista e foge dos clássicos é Florbela Espanca, poetisa portuguesa que possui uma poesia trágica e como tragédia me comove, ela está em minha lista também. Na verdade, poesia para me conquistar tem que ter aquela profundidade, aquele lirismo, aquela coisa do fazer pensar... por isso não consigo fugir muito dos clássicos. :)

      Excluir